WhatsApp: sobre denuncia de jornal folha de sp e disparo de mensagens anti-PT


0

Uma reportagem publicada pela Folha de São Paulo, empresários patrocinaram serviços de disparo de mensagens em massa para espalhar conteúdo contra o Partido dos Trabalhadores (PT) por meio do WhatsApp. A reportagem de Patrícia Campos Mello cita que foram pagos até R$ 12 milhões para empresas especializadas.

Publicidade

O que chamou a atenção da mídia nacional e internacional, uma vez que a prática é considerada ilegal por configurar doação por empresas privadas e não declarada – caixa 2 – para a campanha de Jair Bolsonaro (PSL). De acordo com o jornal, os serviços teriam sido executados pelas agências Quickmobile, Yacows, Croc Services e SMS Market.

Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan e um dos citados pela reportagem, negou o disparo das mensagens pelo WhatsApp. Já o próprio presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) afirmou que não tem o conhecimento da prática:

Eu não tenho controle se tem empresário simpático a mim fazendo isso. Eu sei que fere a legislação. Mas eu não tenho controle, não tenho como saber e tomar providência. Pode ser gente até ligada à esquerda que diz que está comigo para tentar complicar a minha vida me denunciando por abuso de poder econômico

Com a publicação da denúncia no Brasil, o resto do mundo repercutiu a situação das eleições presidenciais, sendo que o caso colocou em cheque todo o esforço prometido pelo Facebook. Agora, em busca de mais informações, o site MobileTime publicou uma entrevista na qual os responsáveis pela empresa SMS Market negam a contratação para o disparo de mensagens anti-PT pelo WhatsApp.

De acordo com a publicação, de todas as companhias citadas pela Folha de São Paulo, a SMS Market foi a única a enviar uma resposta sobre o assunto. No entanto, um dos pontos destacados é que nenhuma das empresas é autorizada pelo WhatsApp para comercializar o disparo de mensagens. De toda forma, Willian Evangelista da SMS Market rebate:

Não existe esse tipo de autorização. Isso está sem formato, nós já entramos em contato com o WhatsApp, mas ainda não tem nada. Não tem nada que envolve publicidade no aplicativo dele. Eles estão saindo agora com os chatbots. Nós estamos autorizados por eles a fazer a gestão dos chatbots. Mas, do envio em massa, não. Não tem uma legislação e não tem como ter homologação.

Sobre a denúncia publicada pela Folha de São Paulo, o representante da SMS Market afirma que sua empresa não foi contratada para fazer esse tipo de trabalho:

isso é uma mentira. Primeiro porque nosso site tem termos e condições de uso e qualquer cliente que se cadastra tem que aceitar esse termo. E esse termo é bem explícito e afirma que não é permitido nenhuma publicidade, nenhuma campanha de cunho político. Você vê que a Folha nem se preocupou em entrar em contato conosco… A gente recebeu um e-mail deles ontem às sete horas da noite. E nosso expediente vai até às seis, pedindo retratação. Mas na hora que a gente viu esse e-mail, hoje, já tinham publicado.

Publicidade

Gostou? Compartilhe com seus amigos!

0

Deixe Seu Comentário

Qual é a sua Reação?

Diversão Diversão
0
Diversão
Ri muito Ri muito
0
Ri muito
Ganhar Ganhar
1
Ganhar
Fofa Fofa
0
Fofa
Droga Droga
1
Droga
Falhou Falhou
0
Falhou
Nerd Nerd
0
Nerd
ódio ódio
1
ódio
Assustador Assustador
0
Assustador
Vomitar Vomitar
0
Vomitar
Confuso Confuso
0
Confuso
omg omg
0
omg
love love
0
love
wtf wtf
0
wtf
love-2 love-2
0
love-2
Ricardo chagas

Duvidas só perguntar
Escolha o formato
Adicione um questionário de personalidade
Como podemos pensar em questões que respondam o que realmente queremos saber sobre o problema que identificamos
CURIOSIDADES
E nós sabemos, sabemos, que existem respostas certas e erradas sobre como se mover neste espaço
Enquete
Votar para tomar decisões ou determinar opiniões
Post
Envie sua notícia, matéria ou pauta, com textos, imagens e/ou códigos incorporados
Contagem Regressiva
The Classic Internet Countdowns
Lista Aberta
Crie uma lista aberta, onde outros usuários possam enviar novos itens com o mesmo tema
Lista classificada
Permitir que usuários não registados façam uma avaliação
Meme
Fazer upload de suas próprias imagens para fazer personalizado memes
Vídeos
Youtube, Vimeo ou Vine
Graphics Interchange Format
Formato GIF